Latest Posts

- Advertisement -
Click News

Latest Tweets

DestaqueSaúde

“Vamos manter ações de combate à pandemia, mesmo com cenário positivo, em Goiânia”, afirma Rogério Cruz

Prefeito Rogério Cruz destaca ações de prevenção e combate à pandemia da Covid-19, e assegura que a prefeitura continuará atenta, mesmo com a estabilização do cenário epidemiológico em Goiânia: “Não vamos desguarnecer nossas estratégias, e nem deixar de assistir outros pontos que precisam da nossa atenção” | Foto: Secom

Vacinação e testagem em massa resultam em contenção da Covid-19. Capital tem 95 leitos de UTI reservados para infectados pelo coronavírus, e somente 20 estão ocupados. São 56 de enfermaria, e 49 estão disponíveis. “Números mostram que estamos no caminho certo para ficarmos livres da doença. Não vamos parar de agir nesse sentido”, pontua prefeito

 

Goiânia, há dois anos, confirmava os primeiros casos de Covid-19. Com ações e medidas de prevenção e combate à doença, a prefeitura da capital conseguiu estabilizar cenário epidemiológico e, atualmente, apresenta números avaliados como muito positivos pelos órgãos de saúde.“Goiânia colhe os benefícios de enfrentamento ao coronavírus, com muita responsabilidade. Hoje, os números nos mostram que estamos no caminho certo para nos vermos livres dessa doença. Não vamos parar de agir nesse sentido, mesmo que os números estejam favoráveis. Vamos continuar com vacinação e testagem dos goianienses”, afirma o prefeito Rogério Cruz.Hoje, a capital conta com 95 leitos de UTI reservados a doentes de coronavírus. Somente 20 deles estão ocupados. A taxa de ocupação é de 21,05%. Já leitos de enfermaria, Goiânia tem 56, sendo que sete estão ocupados e 49 disponíveis, com taxa de ocupação de 12,50%. A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) já planeja a desabilitação de alguns leitos, para serem direcionados ao tratamento de outras doenças.

Em recente inauguração de uma unidade de saúde, que atende por mês cerca de 25 mil famílias, o prefeito afirmou que todos os colaboradores da saúde, sem distinção, “são heróis, verdadeiros guerreiros na linha de frente do combate à Covid-19, e de tantas outras doenças e necessidades da população, que não deixaram de existir nos últimos dois anos”.

Rogério Cruz lembra que, no ano passado, grande parte das ações da saúde foram direcionadas para combater a pandemia e os casos de síndrome gripal. “Nesse período, já entregamos três novas unidades de saúde à população de Goiânia, nos setores Alto do Vale, São Carlos e Riviera”,citou, lembrando que a capital precisou ter disponível 327 leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para tratamento exclusivo da doença.

Eficácia dos imunizantes

Ao relembrar do trabalho executado ao longo da pandemia, o ponto alto, conforme Rogério Cruz, foi o início da vacinação. “Aquele momento, no Hospital e Maternidade Municipal Célia Câmara, foi emocionante. Ali percebi que poderíamos devolver a esperança a toda a população de Goiânia”,lembra, ao enumerar que 2.782.372 doses dos imunizantes foram aplicadas nos goianienses. Desse quantitativo, 1.206.433 foram para primeira dose, 1.095.405 para segunda ou dose única, e 480.534 doses foram específicas para reforço.

Sobre a imunização, o prefeito Rogério Cruz salienta que não há mais dúvidas em relação à eficácia dos imunizantes disponíveis. “As vacinas disponíveis já se demonstraram eficazes contra o coronavírus, e somente a imunização, com todas as doses necessárias, vai trazer mais garantia de saúde a todos”, pontua. “Quem não vacinou, vacine! Vamos deixar este vírus para trás!”, conclama.

Para incentivar a vacinação, iniciativas foram realizadas de modo a facilitar acesso da população aos imunizantes. “Montamos drives-thrus em pontos estratégicos da cidade e, no caso da unidade do Shopping Passeio das Águas, mais de 1 milhão de doses foram aplicadas. A cada dia era uma festa. Momentos inesquecíveis aconteceram ali”, rememora Rogério Cruz, ao relembrar Maratona da Vacinação, com atendimento no período de 24 horas.

“Como as escolas estavam fechadas, levamos a vacinação às quadras das unidades escolares, e igrejas foram parceiras, pois disponibilizaram seus espaços de eventos. Temos ainda outras iniciativas, como a van da VacinAção, que todos os dias está estacionada em local estratégico de Goiânia. Mais de 55 mil doses já foram aplicadas com a unidade móvel”, cita.

Testagem ampliada

Outra estratégia importante para combater a pandemia é a testagem ampliada. Com esse serviço oferecido pela Prefeitura de Goiânia, é possível identificar as regiões com mais incidência da doença, como também as pessoas que estão sendo atingidas, e monitorar o cenário epidemiológico da cidade.

Para isso, Goiânia não deixou nenhum dia de testar a população. Somente neste ano, 247.369 testes de antígeno foram realizados, de acordo com a Secretaria Municipal de Saúde. “Chegamos a ter cinco locais de testagem em Goiânia, e conseguimos atender a todos”,pontua o prefeito Rogério Cruz, em menção à variante Ômicron, que foi classificada como de alta disseminação. A positividade em Goiânia está em queda, com uma taxa de 9,8%. A análise é feita semanalmente.

“Não vamos descuidar da Covid-19, mas a dengue acendeu um alerta e estamos contanto com o apoio da população para nos ajudar a evitar a proliferação do mosquito Aedes aegypti”, observa o prefeito.

 

 

Secretaria Municipal de Comunicação (Secom) – Prefeitura de Goiânia

Deixe um comentário