Latest Posts

- Advertisement -
Click News

Latest Tweets

DestaqueSaúde

Vacinação mudou perfil de hospitalizados e mortos por COVID-19

Foto: Divulgação

 Um estudo realizado pela Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto mostrou que a vacinação mudou o perfil dos hospitalizados e mortos por COVID-19 no Brasil.

O estudo analisou retrospectivamente dados de 2.777 pacientes atendidos no Hospital de Base – referência para COVID-19 na região – entre 05 de janeiro de 12 de setembro de 2021. Neste período, a variante predominante era a gama e a maioria dos brasileiros com esquema vacinal completo eram idosos.

Os pacientes foram divididos em dois grupos: vacinados e não-vacinados. Os autores compararam idade, sexo, presença de comorbidades e sintomas entre os grupos, bem como as condutas clínicas adotadas durante a internação e os desfechos (recuperação ou morte).

Os resultados mostraram que entre os 2.518 pacientes não imunizados, a idade média era de 51 anos e 71,5% apresentavam uma ou mais comorbidades, sendo as mais comuns diabetes, obesidade e problemas cardíacos. Já entre os 259 pacientes hospitalizados que haviam recebido as duas doses da vacina, a idade média era de 73 anos e 95% tinham comorbidades.

Segundo os dados, na análise estatística, pacientes não vacinados com idade superior a 60 anos e comorbidades (especialmente cardiopatias, distúrbios no fígado ou neurológicos, diabetes, doença renal e comprometimento imunológico) tinham mais risco de hospitalização e morte.

Para os autores, esses resultados evidenciam que as vacinas têm alto poder de proteção e podem salvar vidas.

 

Boa Saúde 
Fonte: Journal of Infection.

Deixe um comentário