Latest Posts

- Advertisement -
Click News

Latest Tweets

DestaqueGeralGoiânia

Taxa de iluminação pública de Goiânia subirá 100% em 2022

(Foto: Prefeitura de Goiânia)

Teto da Contribuição para o custeio do serviço, que hoje é de R$ 11,93, passará a R$ 24,35 no ano que vem

 

Em Goiânia, a taxa de iluminação pública vai mais que dobrar de valor a partir de 2022. Os novos valores da taxa – chamada de Contribuição para o Custeio do Serviço de Iluminação Pública (Cosip) – foram divulgados nesta quarta-feira (8), no Diário Oficial do Município (DOM) e devem entrar em vigor a partir de abril do próximo ano, conforme a Secretaria Municipal de Infraestrutura Urbana (Seinfra). O valor, que varia conforme os bairros e que hoje tem teto de R$ 11,93, vai chegar a custar R$ 24,35.

A justificativa para o reajuste na taxa de iluminação pública, é a troca de iluminação de Goiânia por lâmpadas de LED, que atualmente corresponde a apenas 4,3% do parque luminotécnico. Atualmente, Goiânia possui quatro distritos de iluminação pública (DIP). Já se tora a terceira vez dentro de um período de seis anos, que a prefeitura da capital tenta trocar toda a iluminação da cidade por lâmpadas de LED.

Atualmente, as lâmpadas de mercúrio e de vapor de sódio, tendo predominância de 177 mil pontos instalados em Goiânia, duram cerca de dois anos e consome mais energia. Já as de LED, podem durar de 15 a 20 anos, porém, de acordo com o edital da prefeitura, a previsão de garantia das mesmas será de no mínimo cinco anos. Caso queime antes disso, a troca será feita sem custo para o contribuinte.

A contribuição atualmente no valor de R$ 11,93, é valida para moradores dos setores: Jaó; Centro; Campinas; Pedro Ludovico ou um dos bairros que fazem parte do Distrito 1 de iluminação pública (DIP 1). Com a nova mudança, estes moradores destes locais irão pagar R$ 24,35, sendo o valor da primeira parcela, e as demais serão decrescentes em 60 meses.

A previsão para a última parcela para este grupo é de R$ 20,19. No 61º mês, está previsto uma economia de 42% neste valor, sendo assim, moradores destes bairros pagariam R$ 8,74 de taxa. Já os bairros que fazem parte do Distrito 4 de iluminação pública (DIP 4), o valor atual é de R$ 2,73 e com a mudança para para R$ 5,57.

Segundo reportagem do jornal O Popular desta quarta-feira (8), o titular da Seinfra, Fausto Sarmento, diz que a previsão é de que o edital seja publicado em janeiro de 2022 planejando a realização em 90 dias, ou seja, iniciando em abril ou maio quando o contribuinte terá mudança no valor pago atualmente. Ainda de acordo com Sarmento, a já está definido pelo edital a exigência dessa mudança se iniciar pela periferia de Goiânia com evolução para os setores mais centrais.

O titular da Seinfra disse ainda que a troca deve demorar 15 meses, mas o contribuinte pagará em 60 parcelas. Sarmento explica ainda que ao todo, serão quatro licitações, sendo três para locação de lâmpadas, e um lote de monitoramento e controle.

Deixe um comentário