Latest Posts

- Advertisement -
Click News

Latest Tweets

DestaqueMundo

Produtora da Fox News morre em Kiev durante cobertura da invasão russa

Operador de câmara e produtora da Fox News morrem após ataque russo nos arredores de Kiev - Foto Reprodução Twitter

A produtora ucraniana da rede de TV norte-americana Fox News Oleksandra Kurshynova foi morta nesta segunda-feira (14) durante a cobertura da invasão da Ucrânia pela Rússia. A informação é do Ministério da Defesa da Ucrânia, que informou que ela foi vítima de ataques russos em Kiev.
“A verdade é o alvo. Tropas russas dispararam contra a equipe de filmagem da Fox News perto de Kiev”, diz o comunicado.
Mais cedo, a emissora informou que o cinegrafista Pierre Zakrzewski morreu. De acordo com a Fox, ele estava em um carro com o jornalista Benjamin Hall, que ficou ferido, quando o veículo teria sido atingido por um incêndio após um ataque.
“Pierre era uma lenda nessa rede de televisão e sua perda é devastadora”, disse o apresentador da Fox News que noticiou a morte.
O cinegrafista já havia participado da cobertura de outras guerras antes, no Iraque e no Afeganistão. Ele tinha 55 anos e deixa a esposa.
Benjamin Hall, o jornalista que estava com Pierre, é britânico e correspondente da TV em Washington D.C. Ele foi internado e, segundo o Ministério da Defesa da Ucrânia, perdeu parte da perna.
A guerra entre a Rússia e a Ucrânia chega ao 20º dia com novos ataques a áreas residenciais da capital Kiev e a retomada das negociações para o fim do conflito militar. Moscou diz que é cedo para fazer previsões sobre os resultados das conversas.
JORNALISTA MORTO EM IRPIN
A morte de Oleksandra Kurshynova contece dois dias depois de o jornalista norte-americano Brent Renaud, 50, ter sido morto em Irpin, na região de Kiev, enquanto cobria a crise de refugiados que deixavam o solo ucraniano.
Brent estava em um carro com o fotógrafo Juan Arredondo, também norte-americano, durante o ataque.
Segundo Juan, eles estavam atravessando uma ponte para filmar refugiados deixando Kiev e, ao passar por um ponto de controle militar, foram alvo de tiros. O motorista deu a volta para retornar, mas o carro continuou na mira dos disparos.
Ferido, o fotógrafo relatou o ataque enquanto recebia atendimento médico em um hospital. “Eu vi ele [Brent] ser atingido no pescoço”, disse.

 

FOLHAPRESS

Deixe um comentário