Latest Posts

- Advertisement -
Click News

Latest Tweets

DestaqueGeral

Prefeitura abre período de agendamento para ações do Horta Escolar

Foto: Divulgação/Educação

Solicitação de ações pedagógicas para as unidades que contam com o projeto começa na quinta-feira (3/2)

 

A Prefeitura de Goiânia trabalha, neste início de ano, na ampliação do Horta Escolar nas unidades de ensino. Nesta quinta-feira (3/2) será aberto o período de agendamento para as ações pedagógicas e lúdicas do programa. Os agendamentos deverão ser feitos pelos gestores das escolas e Centros Municipais de Educação Infantil (CMEIs) através do e-mail [email protected]

As instituições que fizerem o agendamento receberão integrantes da equipe do Horta Escolar para orientação sobre a importância de plantar, colher e preparar alimentos saudáveis. As atividades, que incluem momentos voltados para o plantio e a conscientização da comunidade escolar, serão realizadas pela Gerência do Programa de Alimentação Escolar da Secretaria Municipal de Educação (Gerpae/SME) e seguirão, quando retomadas, todos os protocolos de biossegurança que o momento exige.

Benefícios do programa

O programa Horta Escolar colabora com o plantio de alimentos ricos em nutrientes em escolas e CMEIs, estimula o protagonismo e o desenvolvimento infantil e reforça os conceitos de sustentabilidade e cuidados com meio ambiente. O programa, inclusive, vem sendo ampliado e já compõe a rotina escolar de 320 instituições municipais e conveniadas da Capital.

O secretário municipal de Educação da Capital, Wellington Bessa, ressalta que o programa tem custo zero para o município. “O programa funciona como um laboratório a céu aberto, promove educação ambiental e tem a missão de ensinar as crianças a plantar, cuidar da terra e colher alimentos saudáveis”, destaca.

Embaixadora do projeto, a primeira-dama Thelma Cruz afirma que o Horta Escolar é importante para garantir a segurança alimentar dos alunos que passaram muito tempo longe do convívio escolar. “Já visitamos inúmeras instituições e vi de perto esse projeto que sensibiliza e motiva as nossas crianças a levarem para casa o conceito de alimentação saudável”, pontua.

 

 

Jenhiffer Medeiros, da editoria da Educação

Deixe um comentário