Latest Posts

- Advertisement -
Click News

Latest Tweets

Entretenimento

Médico processa Marcos por vazamento de laudo de Emilly no ‘BBB’

Laudo que relatou sinais de agressão em Emilly caiu nas redes sociais no início desta semana, e médico que assina documento culpa Marcos pelo ato

O cirurgião plástico Marcos Härter é alvo de mais um processo. O vazamento, nas redes sociais, do laudo médico que constatou marcas de agressão em Emilly Araújo, feito por um profissional da própria Globo ainda durante o Big Brother Brasil 17levou o responsável pelo relatório, Elmo Marques Carneiro Filho, a entrar com uma ação contra o gaúcho, a quem acusa de divulgar o documento. O laudo circulou em um perfil de rede social de um fã clube de Marcos. O próprio, porém, não o replicou. O processo foi aberto nesta sexta-feira.
Ao lado de imagens da casa do BBB17, o laudo serviu como prova para que a delegada Viviane da Costa, da Delegacia Especializada em Atendimento à Mulher (Deam) de Jacarepaguá, decidisse pelo indiciamento do cirurgião, agora denunciado por agressão pelo Ministério Público. No documento, o médico Elmo — contratado da Rede Globo e responsável pelo processo de admissão dos participantes do reality —  relatou que a paciente estava com dores durante manobras de compressão no punho direito, mas sem escoriações ou ferimentos abertos. O relatório também descreve dois hematomas roxos claro em ambos os braços de Emilly.
A VEJA, o advogado de Elmo Carneiro, Ralph Lichotti, informou que o processo foi aberto na tarde desta sexta-feira, na 7ª Vara Cível do Rio de Janeiro. Segundo ele, o médico acredita que os preceitos da Ética Médica — que o impedem de divulgar qualquer informação sobre seus pacientes ou de outros médicos — não vêm sendo respeitados pelo “Dr. Marcos de Oliveira Härter”.
Marcos ainda responde a um processo por danos morais relativo à divulgação de fotos sem consentimento, movido por uma ex-colega de trabalho.
Deu na Veja

Deixe um comentário