Latest Posts

- Advertisement -
Click News

Latest Tweets

DestaqueGoiásLuto

Jornalista goiana, Cristiana Lôbo não resiste à câncer e morre aos 63 anos

(Foto: Zé Paulo Cardeal/Globo)

Cristiana atuou no jornalismo por mais de 30 anos. Começou a carreira cobrindo a política do estado de Goiás

 

A jornalista e colunista de política Cristiana Lôbo morreu nesta quinta-feira (11), em decorrência de um mieloma múltiplo, do qual se tratava havia alguns anos, agravado por uma pneumonia contraída nos últimos dias. Ela tinha 64 anos e estava internada no hospital Albert Einstein, em São Paulo.

Afastada das telinhas há 11 meses, Cristiana Lôbo tratava há alguns anos de um mieloma múltiplo, mas uma pneumonia acabou agravando seu estado de saúde. No último final de semana, a jornalista foi internada no Albert Einstein, em São Paulo, e de lá não saiu mais. O mieloma múltiplo é um câncer nas células da medula óssea responsáveis pela produção dos anticorpos que combatem vírus e bactérias.

Por mais de 30 anos no jornalismo, Cristiana Lôbo começou sua carreira em Goiás mas foi no Grupo Globo que ganhou destaque nacional. Incialmente no impresso “O Globo”, foi setorista do Ministério da Saúde e acompanhou de perto decisões as decisões do Ministério da Educação. No Globo foi colunista do “Panorama Político”. 

Cristiana Lôbo foi para o Estadão e passou a assinar a coluna de política do jornal. Desde março de 1997, quando estreou na televisão, atua como comentarista de política da GloboNews. Iniciou no Jornal das Dez mas teve passagem por quase todos os jornalísticos do canal fechado.

Por meio das redes sociais, o governador Ronaldo Caiado lamentou a morte de Cristina Lobo.

“Dia triste. Perdemos a jornalista Cristiana Lôbo. Goiana, sempre foi muito respeitada em Brasília. Gostava de ficar analisando o cenário da política nacional com ela pelos corredores do Congresso. Descanse em paz, minha querida. Força aos familiares e amigos. #Luto

(Foto: Reprodução)

Deixe um comentário