Latest Posts

- Advertisement -
Click News

Latest Tweets

DestaqueSaúde

Hemu realiza ações em prol da campanha Setembro Verde

Equipe da CIHDOTT do Hemu na campanha Setembro Verde

 

Distribuição de informativo, cartões e brindes foram usados para chamar atenção para a importância da doação de órgãos

O dia 27 de setembro é marcado como o Dia Nacional de Doação de Órgãos. Porém, durante todo o mês é dedicado à sensibilização e conscientização da importância da doação de órgãos – a campanha Setembro Verde.

No intuito de chamar a atenção dos colaboradores e sociedade, o Hospital Estadual da Mulher (Hemu), por meio da Comissão Intra-Hospitalar de Doação de Órgãos e Tecidos para Transplantes (CIHDOTT), desenvolveu algumas ações.

Atualmente, no Brasil, milhares de pessoas aguardam na fila de espera por um órgão e o número de doadores está muito abaixo da necessidade. De acordo com a Associação Brasileira de Transplantes de Órgãos, mesmo com a vacinação e com o arrefecimento da crise sanitária da Covid-19, as taxas de doação e transplante continuam caindo. Entre os principais motivos, está a recusa da família em doar os órgãos. Por isso, o Hemu focou em reforçar que o doador manifeste seu desejo para os seus familiares, porque muitas vezes o transplante é a única alternativa de vida para algumas pessoas que estão na espera.


Fora da unidade, integrantes da Comissão colocaram nos carros de colaboradores e pacientes, um cartão escrito: “Você tem o poder de escolha. Diga sim à doação de órgãos. Não se esqueça de conversar com a sua família e se declarar um doador” e atrás do cartão, informações sobre transplantes, acompanhado de um balão verde. Na rua, a equipe abordou os motoristas que passavam na porta do hospital, entregou informativo sobre a campanha e incentivou as pessoas a declararem para seus familiares e amigos a intenção de ser um doador
Dentro do Hemu, a equipe percorreu todos os setores da unidade, orientando os colaboradores sobre a necessidade de comunicar a decisão de ser um doador aos familiares, melhorando a performance das captações. Foram entregues informativos e bombons.

“Nessa campanha procuramos destacar a importância de ser um doador e, principalmente, de comunicar esse desejo aos familiares. Um doador de órgãos pode salvar muitas vidas e beneficiar vários receptores”, destacou a coordenadora da CIHDOTT do Hemu, a enfermeira Aparecida Marinho.

Dados

Segundo dados do Ministério da Saúde, em 2021, foram realizados mais de 12.000 transplantes no Brasil através do Sistema Único de Saúde (SUS). Atualmente, existem no país 51.674 pacientes adultos ativos (junho 2022) e mais 1.009 pacientes pediátricos na lista nacional de espera para transplantes. Em Goiás, cerca de 1.610 pacientes aguardam por um transplante. De janeiro a agosto de 2022, foram realizados 376 transplantes de órgãos e tecidos, em Goiás.

Em números absolutos, o Brasil é o 2º maior transplantador do mundo, atrás apenas dos EUA.

 

 

Por Marilane Correntino, 
Assessora de Imprensa do HEMNSL

Deixe um comentário