Latest Posts

- Advertisement -
Click News

Latest Tweets

BrasilDestaque

Fortes chuvas causam inundações e deslizamentos em Petrópolis (RJ)

Forte chuva em Petrópolis causa inundações nesta Terça-Feira (15), arrastando carros e provocando a queda de barreiras. A força da correnteza arrastou carros e assustou pedestres e comerciantes. A Defesa Civil atua nas ocorrências. (Foto: Saulo Angelo/Futura Press/Folhapress)

Um forte temporal atingiu Petrópolis, cidade da região serrana do Rio de Janeiro, na tarde desta terça-feira (15), causando inundações, enxurradas e deslizamentos.
Segundo informações preliminares da Defesa Civil estadual, dezenas pessoas foram mortas, parte delas por soterramento.
O governador Cláudio Castro (PL) cancelou sua agenda e está a caminho do município para acompanhar os trabalhos do Corpo de Bombeiros e de outros órgãos estaduais.
Até as 20 horas, 120 bombeiros do quartel da cidade estavam nas ruas e 60 militares seguiam em deslocamento para Petrópolis.
O governo informou que oito ambulâncias estão sendo enviadas para a cidade para atuar no socorro às vítimas. Dez aeronaves foram disponibilizadas para chegar à cidade na manhã desta quarta-feira (16).
O 26º BPM (Petrópolis) atua em apoio na operação na cidade em auxílio a órgãos municipais.
Às 22h, haverá uma reunião no quartel de Petrópolis com órgãos do governo do estado para discutir a ajuda e intensificar as ações de salvamento.
O prefeito da capital, Eduardo Paes (PSD), afirmou que pôs toda a estrutura do município à disposição do prefeito de Petrópolis, Rubens Bomtempo (PSB-RJ), para auxiliar nas operações.
Nas redes sociais, Bomtempo disse que tinha acabado de chegar a Brasília quando ficou sabendo das chuvas e que por volta das 22h já estaria de volta a Petrópolis.
Ele afirmou que ligou para empresas e empreiteiros pedindo máquinas, caminhões e pessoal para auxiliar na recuperação da cidade.
“Quero dizer para o nosso povo aguentar firme, que se Deus quiser essa chuva vai passar, a gente vai conseguir dar uma resposta”, disse.

 

FOLHAPRESS

Deixe um comentário