Latest Posts

- Advertisement -
Click News

Latest Tweets

DestaqueSaúde

“Estou cansada, mas minha motivação é salvar vidas”, diz enfermeira

Foto: Divulgação (Secom)

Denise Pires está entre os inúmeros profissionais da Saúde que lidam diariamente e exaustivamente na linha de frente em combate à pandemia da Covid-19

 

“Desde o início da circulação do coronavírus no Brasil, nós, profissionais da Saúde, nos colocamos na linha de frente para cuidar dos acometidos pela Covid-19 e, por isso, estamos há um ano trabalhando exaustivamente, mas com a motivação de salvar vidas”. O depoimento é da enfermeira Denise Pires, que atua em unidades de Saúde da região Leste de Goiânia.

Denise, como muitos profissionais, está cansada e busca forças para o trabalho que continua árduo, com conquistas, perdas, fortalecimento de amizades, amor, cansaço, exaustão, choro, tristeza, alegria e emoção. Ela, que também é coordenadora de Vigilância Epidemiológica, conta que cada atendimento é uma esperança que se renova.

“Muitas vezes sabemos que o paciente jamais saberá quem somos, mas por alguns dias ele se sentiu bem cuidado e acolhido. Que sejamos lembrados assim: pelo brilho do olhar”, conta a enfermeira Denise. Atualmente, ela coordena equipes de vacinação e, segundo ela, os colaboradores estão esperançosos.

“Busco incentivar a minha equipe e temos o costume de comemorar todas as ações do dia vencido. Estamos imunizados, mas atuando corajosamente em todos os momentos”, destaca Denise, lembrando ter ficado por inúmeras vezes sem tempo para almoçar. “Tenho gratidão por estar viva e por encarar o maior desafio da minha carreira”, frisa.

Por outro lado, o urologista Carlos Costa, que não trabalhou na linha frente durante a primeira onda, se sentiu na obrigação de auxiliar os colegas nesta segunda onda. “Além dos atendimentos do meu consultório, resolvi atuar na linha de frente da pandemia e somar forças com todos os profissionais que estão sendo verdadeiros heróis”, relata o médico.

Os números em Goiânia mostram o quão intenso está o trabalho dos profissionais da Saúde. Conforme o último boletim divulgado nesta terça-feira (20/4) pela Prefeitura de Goiânia, 142.055 pessoas tiveram diagnóstico da Covid-19 confirmados, 352 pessoas estão em acompanhamento em casa, 5.572 internadas em UTI, 135.973 pessoas recuperadas e 4.219 morreram.

Agradecimento

Em evento no Paço Municipal, o prefeito Rogério Cruz fez um agradecimento especial aos profissionais da Saúde que lidam diretamente com a Covid-19. “Agradeço a cada profissional de Saúde que está diariamente trabalhando no combate ao coronavírus”, disse. “O trabalho de cada um de vocês é extremamente fundamental. Tenho certeza que vocês serão eternamente lembrados por muitos. Parabéns!”, enalteceu Rogério Cruz.

 

 

Por Mauro Júnio, da Diretoria de Jornalismo

Deixe um comentário