Latest Posts

- Advertisement -
Click News

Latest Tweets

DestaqueMobilidade UrbanaPolítica

Eixo Anhanguera recebe 75 ônibus novos para troca e reposição da frota

Fotos: Jucimar de Sousa
“Esse é mais um passo para a melhoria do transporte público da Região Metropolitana de Goiânia”, afirma Prefeito Rogério Cruz

Rogério Cruz, prefeito de Goiânia, acompanhado do governador de Goiás, Ronaldo Caiado, apresentou, nesta quarta-feira (29), os novos ônibus que ampliarão a frota do Eixo Anhanguera e suas extensões de forma momentânea, até que a frota elétrica entre em funcionamento. Ao todo serão entregues 75 veículos, sendo 30 articulados e 45 convencionais, os quais entrarão em operação em até 90 dias.

O prefeito Rogério Cruz, afirmou que “esse é mais um passo para a melhoria do transporte público da Região Metropolitana de Goiânia”, e ressaltou o alinhamento dos prefeitos com o Governo do Estado. “Já damos respostas à população. O primeiro passo foi a implantação do bilhete único e do passe livre do trabalhador. Aqui hoje é o segundo passo. Tenham certeza de que o pensamento é um só: dar solução para a questão do transporte público”, ressaltou, ao lembrar que a Prefeitura de Goiânia já está recapeando a via para receber os 114 ônibus elétricos.

“Mostramos nosso comprometimento com a melhoria do transporte público. É mais um passo para a reformulação do sistema”, ressaltou o presidente da Companhia Metropolitana de Transportes Coletivos, Tarcísio Abreu.

O presidente da Câmara Deliberativa do Transporte Coletivo (CDTC), secretário-geral de Governo, Adriano da Rocha Lima, explicou que a decisão de ampliar a frota de forma imediata foi necessária em função do questionamento do Tribunal de Contas do Estado (TCE) sobre aspectos da licitação, que vai promover a eletrificação da frota do principal corredor de transporte coletivo da Região Metropolitana de Goiânia.

“O processo está sendo feito de forma muito transparente, mas como surgiram algumas dúvidas, fomos obrigados a adiar a licitação. Estamos esclarecendo todos os questionamentos. Infelizmente, a entrega dos ônibus elétricos no segundo semestre, como o previsto, não será possível, mas a ampliação imediata da frota foi a forma provisória que encontramos para não penalizar a população”, destacou Adriano da Rocha Lima.

O governador Ronaldo Caiado ressaltou que a medida é emergencial. “Nós precisamos responder com mais rapidez às demandas da população, e é isso que estamos fazendo. Estamos nos esforçando. Tenho certeza de que, junto com Rogério Cruz e os prefeitos, vamos quebrar a tese de que o transporte público da Região Metropolitana não tem solução”, pontuou.

Seis ônibus entram em operação, nesta quarta-feira (29), no Eixo Anhanguera, para circular entre os terminais Vera Cruz e Praça da Bíblia. Os veículos são de piso alto, possuem 14 metros de comprimento, ar-condicionado, câmbio automático, capacidade para até 110 passageiros sentados e em pé, e portas para embarque e desembarque elevados pelo lado esquerdo.

Os outros veículos ingressarão na rota de forma gradativa. A previsão é de entrada de novos ônibus semanalmente, até completar os 60 previstos, que serão os primeiros climatizados a circular na Região Metropolitana.

Deixe um comentário