Latest Posts

- Advertisement -
Click News

Latest Tweets

DestaqueEconomia

Demanda e oferta de voos domésticos atingem 91% do nível pré-pandemia

AndrewSoundarajan/iStock

A demanda de passageiros por voos domésticos alcançou em janeiro de 2022 91% do patamar anterior à pandemia de coronavírus. Os dados são da Anac (Agência Nacional de Aviação Civil).
A oferta de assentos pelas companhias aéreas acompanhou o movimento e está em 91,4% em relação ao mesmo mês de 2019.
A demanda é medida em RPK (Revenue Passenger‐Kilometers, na sigla em inglês), que significa passageiros por quilômetros pagos. É calculada ao multiplicar o número de passageiros pagantes pela distância percorrida.
Levando em consideração somente passageiros transportados, a redução foi 16,2%. Ao todo, 7,5 milhões fizeram viagens domésticas no mês passado.
De acordo com o secretário Nacional de Aviação Civil, Ronei Glanzmann, a expectativa no setor é de que a demanda alcance 100% do nível anterior em abril, e estabilize em junho, caso não haja novas variantes.
Já os voos internacionais ainda patinam. As restrições impostas por outros países para entrada de brasileiros, além da desvalorização do Real dificultam a retomada.
A demanda ainda está à metade de janeiro 2019, em 49,6%. A oferta está em 56%.

 

JULIANA BRAGA / (FOLHAPRESS)

Deixe um comentário