Latest Posts

- Advertisement -
Click News

Latest Tweets

DestaqueEsporte

7ª edição do Go Cup teve a participação de 2 mil crianças

Foto: Claudivino Antunes

Campeonato é realizado em Aparecida desde 2014 e nesta edição contou com a presença de 166 equipes do Brasil e uma do Equador

 

O Estádio Anníbal Batista de Toledo em Aparecida foi o palco das dezenas de partidas que marcaram a final da 7ª edicação do Campeonato de Futebol Infanto-Juvenil Go Cup. A competição reúne milhares de atletas mirins, onde em cinco dias, mostram o melhor do futebol dentro e fora dos gramados. E as crianças deram um show a parte nesta edição que marcou a retomada do campeonato, parado desde o início da pandemia.

Seguindo todos os cuidados, as partidas tiveram início às 9h e seguiram até às 16h com as finais das categorias sub-8, sub-9, sub-10, sub-11, sub-12, sub-13 e sub-14 das divisões ouro e prata. O prefeito de Aparecida e o vice-prefeito Vilmar Mariano, estiveram presentes e entregaram o troféu para o Iate Clube Brasília, que ficou em segundo lugar na categoria ouro do sub-9. Luca Navarrete ficou contente com a participação de seu time na competição. “A gente deu nosso melhor esse ano e se Deus quiser ano que vemos ser campeões”, disse o jogador mirim.

Durante toda a semana os jogos foram realizados no Complexo Esportivo Cabo Verde, conhecido como Gramados no Setor Bela Morada em Aparecida. O vice-prefeito enalteceu as crianças pela participação no campeonato. “Criança gosta de futebol e podemos ver a alegria deles ao entrarem em campo, defenderem ou fazerem um gol. Todos que aqui estiveram, ganhando ou perdendo, estão de parabéns”, comentou Vilmar Mariano que, junto com o prefeito Gustavo Mendanha, deu o ponta pé inicial em algumas partidas decisivas e entregou medalhas aos primeiros e segundos colocados.

Para o coordenador do Go Cup, Roberto Faria, a retomada do campeonato é um motivo de muita alegria. “Estamos felizes em poder realizar o Go Cup novamente depois de um momento difícil que passamos com a covid-19 e estamos honrados por voltar a Aparecida, uma cidade que nos recebe tão bem desde 2014”, disse ele que completou: “Neste ano tivemos um número menor de equipes, mas ainda trouxemos 166 equipes de 16 diferentes estados e uma do Equador. A retomada foi um sucesso e em abril do ano que vem estaremos de volta com a 8ª edição”, sublinhou Roberto.

O coordenador do Go Cup ressaltou que antes de ser um campeonato, o evento é educativo e também uma vitrine para o futebol profissional. “Aqui a gente tem o objetivo principal de tirar as crianças das ruas, das drogas através do esporte. Tivemos aqui 2 mil crianças e antes de ser um campeonato, o Go Cup é uma ação inclusiva e educativa. É pra saber ganhar, saber perder, tratar bem os colegas dos times opostos. Revelar jovens talentos é só uma consequência de tudo o que as crianças podem tirar deste campeonato”, finalizou ele.

O secretário de Esporte, Lazer e Juventude, Gerfeson Aragão, acompanhou os jogos pela manhã. Para Aragão, o torneio, que é o maior campeonato infantil do mundo, garante novas oportunidades na vida das crianças e adolescentes que fazem parte das equipes. “Aqui nós temos crianças de todas as idades e o campeonato é muito importante para as crianças que participam, pois é educativo e terão ainda a oportunidade de se destacar e atrair olhares de grandes times”, salientou.

Falando como jogador profissional, o pequeno Vitor Guilherme de 10 anos que disputou a final pelo Flamengo de Roraima, disse que torcia pela vitória da equipe. “Até agora estou gostando do desenvolvimento do meu time e se Deus quiser a gente vai ganhar essa final”.

Em sua passagem pelo Estádio, o prefeito Gustavo Mendanha estava acompanhado do filho caçula Emanuel. “Este campeonato é uma vitrine e um meio inclusivo para nossas crianças. Fico feliz por ser realizado em nossa cidade desde 2014, fomentando nosso esporte, turismo e economia. E mais feliz ainda neste ano, que as finais foram realizadas no nosso palco verde, o Anníbal. Parabéns aos organizadores, aos pais, treinadores e a todas as crianças que participaram”, finalizou o gestor.

Resultados

Campeões da Série Ouro
Sub8 – Sporting (GO)
Sub9 – Grêmio (RS)
Sub10 – Grêmio (RS)
Sub11 – Grêmio (RS)
Sub12 – Grêmio (RS)
Sub13 – Colúmbia (MG)
Sub14 – Instituto Set (GO)

Campeões da Série Prata
Sub8 – Instituto Set (GO)
Sub9 – Eurobarcelona (GO)
Sub10 – CEWG (GO)
Sub11 – Madureira (RJ)
Sub12 – Santos/DF
Sub13 – ONG+Ação (GO)
Sub14 – Bulls Soccer (SP)

Campeões da Série Bronze
Sub8 – Fla Palmas (TO)
Sub9 – Santos Palmas (TO)
Sub10 – Volta Redonda (RJ)
Sub11 – Juventus (GO)
Sub12 – Meninos da Vila (MA)
Sub13 – Águas Claras (GO)
Sub14 – Independente de Rio Verde (GO)m

 

 

Por Daniela Ribeiro

Deixe um comentário